A Ideia Inovadora nem sempre basta, a pré-aceleração é um baita negócio!


A Ideia Inovadora nem sempre basta, a pré-aceleração é um baita negócio!

Quando falamos sobre startups, seja na fase de projeto ou empreendimento consolidado, é comum pensarmos em uma ideia inovadora. Parece que o fato (nada simples) de ter uma ideia inovadora é tudo que um jovem empreendedor precisa para criar uma startup de sucesso, mas não é bem assim.

De acordo com o IBGE (2014), de cada dez empresas, seis não sobrevivem após cinco anos de atividade, no Brasil. Então com base nessa estatística, acho que podemos perceber que somente a ideia inovadora não vai garantir seu sucesso, ou vai se tiver sorte, mas apostar tudo na sorte é um jogo de risco.

A grande sacada é perceber e valorizar todo o esforço por trás de uma startup, além de deixar bem claro que um startupeiro também precisa ser um empreendedor, um gestor do seu negócio e estar preparado para enfrentar o mercado, com muito planejamento.

As etapas são sempre importantes em qualquer planejamento, queimar etapas pode ser arriscado, e seguir etapas pode potencializar suas chances de sucesso. Agora imagine fazer parte de um programa que pega sua ideia inovadora e te ajuda a transformá la em um negócio de alto impacto! Esse programa existe, aqui mesmo no Rio Grande do Sul:

O StartupRS Digital é um dos mais importantes programas de pré-aceleração de startups do Estado. Promovido pelo SebraeRS em parceria com grandes empresas e entidades que fomentam a inovação no país, a iniciativa funciona como uma academia da inovação, trabalhando a capacitação dos empreendedores de startups, seguindo metodologias de desenvolvimento de negócios aplicadas por instrutores que vem de toda a parte do País.

A seleção para participar do programa acontece duas vezes por ano, na última edição foram 80 startups inscritas e cerca de 15 selecionadas. Durante cinco meses, os selecionados passaram por workshops, consultorias de acompanhamento, mentorias e tiveram acesso a eventos referência, além do networking desenvolvido e da possibilidade de aproximação com outras empresas participantes dos projetos da entidade. Ao final, estiveram no Demoday para apresentar seus negócios para uma banca com representantes dos parceiros, entre entidades do setor, aceleradoras e investidores para definir as três primeiras colocadas.

Imagina só que bacana! Tu vai pegar o teu modelo de negócio inovador e vai passar cinco meses recebendo aporte para transformar tua ideia em um grande negócio, além de no final do programa poder apresentar e quem sabe, receber um investimento ($$$) pra dar um up total no teu projeto. Curtiu? Clique aqui para entrar no site do Sebrae.

Boa sorte!




Por
02/08/2018

Jornalista graduado e apaixonado por comunicação! Conservador das boas práticas, aposto sempre em uma boa pesquisa, argumentos concretos e textos revisados (muitas vezes). Como jornalista atuei em rádio, TV, mídias digitais e impresso. Agora no time de comunicação da Rossi & Zorzanello Feiras e Empreendimentos estou em contato direto com grandes eventos, entre eles o FESTURIS e a Gramado Summit.


Assine nosso blog

Não perca nenhuma novidade!

Assine nosso blog

Não perca nenhuma novidade!